A importância da alimentação saudável para a nossa imunidade

As mudanças nos hábitos das pessoas que serão deixadas pelo coronavírus são muitas – algumas, permanentes. Seja no modo de se ver e levar a vida; de consumir; de se divertir.

Uma questão que ganha força e veio para ficar é a preocupação com o que se coloca para dentro do nosso corpo. A alimentação saudável veio para ficar e é a forma mais eficaz de se manter a imunidade alta, o que é uma proteção importante contra o covid-19.

Neste post, conversamos com a nossa nutricionista Daniela Martinez (CRN 8995). A Dani (como é chamada pelos colegas de trabalho) é formada pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) e atua na área há sete anos. Ela é a responsável pelo cardápio da rede de cafeterias, sempre com olhar técnico para que o que seja servido aos clientes do Café Cultura carregue muita qualidade, carinho e bem-estar.

Nesta conversa, vamos tratar da importância de uma alimentação equilibrada, seja agora e sempre, bem como dos cuidados de higiene que estamos tendo em nossas lojas e na entrega dos produtos pelo Delivery.

Você pode também conferir aqui todo o cuidado que estamos tendo na preparação do seu pedido.

Boa leitura. ☕️

Profissionais da Saúde tem recomendado uma dieta equilibrada para o sistema imunológico ficar fortalecido, se tornando mais eficiente no combate a qualquer tipo de infecção. O que você recomendaria para quem deseja ter uma alimentação saudável?

Daniela – Manter a alimentação saudável é fundamental para conservar o sistema imunológico em ótimas condições. É perceptível que diante da pandemia esse assunto está sendo mais debatido. Vejo isso como uma grande oportunidade para se ter melhores hábitos dentro da casa das pessoas. Nesse contexto, com a adaptabilidade na nova forma de trabalho de muitos profissionais que estão em home office, o “cozinhar em casa” se tornou rotina. Com mais tempo para a atividade, as pessoas têm a oportunidade de aperfeiçoar o preparo dos alimentos, levando para a mesa maior variedade de pratos, modos de preparo, reaproveitamento e reinvenção, também.

Antes de tudo, recomendo criar uma rotina alimentar, este é um dos fatores iniciais da preparação para uma alimentação saudável. Faça uma lista de compras de produtos in natura, evite os ultraprocessados (como biscoitos e salgadinhos), utilize temperos naturais e priorize frutas, verduras e legumes da estação, respeitando a sazonalidade. Abuse das cores e aproveite o momento para experimentar o que você não conhece, prepare de novos formas e inclua um planejamento para esse momento tão gostoso do dia. Alimentação saudável exige um cardápio balanceado e, portanto, não podemos elencar um único alimento para combater qualquer problema de saúde.

No Guia para uma Alimentação Saudável em Tempos de Covid-19, desenvolvido pela Associação Brasileira de Nutrição (Asbran), há orientações fundamentais que todos podem consultar.

Alimentação equilibrada é fundamental para manter a imunidade alta

Como o cardápio do Café Cultura foi pensado nessa questão da alimentação equilibrada?

Daniela Buscamos utilizar matéria-prima de qualidade e alimentos naturais, evitando ao máximo utilizar produtos ultraprocessados. Nosso objetivo é oferecer ao cliente a possibilidade de ele ter uma alimentação rica em nutrientes e comida de verdade. Temos opções bem diversificadas em nosso cardápio, para atender a todos, independente do que buscam em especial. É um cardápio democrático e inclusivo. É o bem-estar na essência.

Como exemplo, nas bebidas temos os sucos e smoothies de frutas naturais sem adição de açúcar. No último verão lançamos a versão shot, que são pequenas porções de sucos de frutas concentradas em nutrientes e compostos bioativos, com efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes. Temos também diferentes sabores de kombucha, que é uma bebida probiótica e ajuda na regeneração da flora intestinal. No grupo de comidas, destaco as proteínas e o bowl de quinoa com arroz de couve-flor, um sucesso.

Acredito que uma alimentação variada, colorida, diversificada e que traga memórias afetivas é fundamental.

Alguns nutrientes importantes para o fortalecimento do sistema imunológico são recomendados por nutricionistas. São eles: proteínas, selênio, zinco, magnésio, vitamina C, probióticos e vitamina D. Podemos encontrar todos eles dentro do cardápio do Café Cultura? Você destacaria algum prato ou combinação que carrega consigo a maioria deles?

Daniela Uma alimentação balanceada é composta pelo equilíbrio no consumo de macro e micronutrientes e podemos sim encontrá-los em nosso cardápio. Poderia destacar o bowl de salmão, que oferece os micronutrientes zinco e vitamina D; o café da manhã francês e americano, que possuem selênio e magnésio; as kombuchas e banana slim, como apostas para aumentar o consumo diário de probióticos; e nossos sucos anti-idade, mix tropical e shot de cúrcuma, como fontes de vitamina C.

A banana slim é uma ótima pedida para aumentar o consumo de probióticos

Uma das dúvidas que muita gente tem é se é possível ser infectado pelo vírus através de alimentos. A resposta é que hoje não há nada que evidencie a contaminação por comida. A Autoridade Europeia de Segurança dos Alimentos (European Food Safety Authority – EFSA) fez uma avaliação sobre o risco em outras epidemias causadas por vírus parecidos com o SARS-Cov-2 e não foi constatada nenhuma transmissão por alimento. Mas os cuidados na hora de manuseá-los são sempre necessários. Quais as providências que a rede está tomando no cuidads com a preparação dos alimentos?

Daniela As orientações estão mais acentuadas aos colaboradores da nossa rede. Sempre prezamos bastante pelos cuidados com a higiene e segurança alimentar baseados na RDC 216 e, no momento, seguindo outras orientações extras ou atos normativos da Anvisa e Portaria Estadual. Os cuidados diferenciados que estamos tomando incluem aferição da temperatura corporal do funcionário no início do turno, para verificar se o mesmo está com febre; uso de máscara durante todo o período de trabalho; higienização das mãos a cada 30 minutos ou troca de atividade; uso de luvas no preparo de alimentos prontos para o consumo; uso de álcool em gel com maior frequência, tanto nas bancadas quanto nos utensílios; e recebimento de mercadorias em área específica para que os entregadores não adentrem à área de manipulação de alimentos.

Para os clientes que estão indo às nossas lojas e consumindo nossos produtos no local, a rede adotou uma série de medidas que visam minimizar as chances de transmissão do vírus, como obrigatoriedade do uso de máscaras por parte dos clientes, disponibilização de álcool em gel e afastamento das mesas. O que mais você destacaria como medida importante ou que conselho daria?

Daniela Antes da reabertura das lojas, enviamos para todos os nossos franqueados uma adequação de layout arquitetônico, seguindo todas as exigências da Portaria SES n.º 256. Todas as mesas possuem comunicação através de um display, para orientar o cliente sobre quais delas estão aptas para acomodação, e faixas de segurança no contato com o Caixa. Além disso, instruímos a retirada de todos os componentes com risco de transmissão do vírus, como decoração das mesas, tapetes etc. A higienização do ambiente como um todo também está sendo realizada com mais frequência e acredito ser uma das medidas primordiais para garantir mais segurança aos clientes e colaboradores, aliada a manutenção das portas e janelas abertas para circulação do ar.

O conselho mais importante é trabalhar fortemente com a equipe no que diz respeito à conscientização, todos do café devem estar cientes da situação de pandemia que estamos vivendo e precisam ter atitudes responsáveis em seu dia a dia de trabalho.

Muitos consumidores têm aderido ao hábito do Delivery como meio para pedir comida. Nesse caso, o risco é a possível contaminação por meio da superfície de qualquer alimento ou embalagem ou do contato com o entregador. Um conselho de especialistas é limpar superfícies com alvejante doméstico diluído. O que está sendo feito pelo Café Cultura nesse sentido? Há alguma outra recomendação que você gostaria de dar?

Daniela Além de todos os cuidados que o colaborador adotou para a manipulação mais segura dos alimentos, conforme já abordado anteriormente, estamos enviando todos os produtos em embalagens lacradas e pacotes de viagem também lacrados. Junto, está indo uma mini cartilha com orientações para o consumo seguro do alimento entregue pelo serviço Delivery. Neste material, orientamos o cliente a evitar o contato físico com o entregador, verificar se os produtos estão devidamente lacrados, descartar imediatamente as embalagens em lugar longe do local de consumo do alimento e, por fim, higienizar bem as mãos, retirando os adornos, para garantir a eficácia.

Vai um bowl de quinoa com arroz de couve-flor e cogumelos no Delivery?

Para fechar, como você vê que a rede Café Cultura se preparou para a pandemia?

Daniela Por ser algo tão repentino, ninguém se preparou, nenhuma marca, rede ou negócio local.  Quando deflagrou a pandemia no Brasil e recebemos o primeiro decreto de fechamento das unidades, tivemos dois dias para orientar nossos franqueados sobre as melhores práticas de gestão.

Paralelo a isso, parte do time estava focado na implantação do Projeto Delivery que, a princípio, estava definido internamente como um projeto importante, mas que passou a ser imprescindível. Colocamos ele em funcionamento em duas semanas. Também desenvolvemos novas ferramentas de vendas, produtos especiais para o momento, sem perder a essência da nossa marca, que é oferecer o bem-estar aos nossos clientes.

No meio de tudo, lidar com a questão emocional do time e dos franqueados tornou-se um grande desafio. Como alternativa, criamos reuniões semanais para nos sentirmos mais próximos uns dos outros e, assim, poder nos fortalecer.

Fomos rápidos e eficientes no suporte aos franqueados e na implementação de uma nova forma de gerar vendas, esses pontos estão sendo cruciais para nos mantermos fortes, otimistas e com a parceria cada vez mais próxima de nossos franqueados, pois todos formamos uma família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[]