Cafés e Baristas: Almas Gêmeas

O brasileiro é apaixonado por café, até mais do que por cerveja. De acordo com a Associação Brasileira da Indústria do Café, são 78 litros per capta da bebida preparada por ano, o que significa que o brasileiro toma, em média, de três a quatro xícaras de 50 ml por dia. Quase 80% dos brasileiros não vivem sem a bebida.

Considerando toda essa informação e o fato de que o país é o maior produtor mundial do grão, dá para imaginar o quanto as pessoas amam café. Somos tomados pela sensação de que é preciso uma xícara para começar o dia, de que ele pode nos ajudar naquela tarefa que parecia impossível, de que só o cheiro já é capaz de nos fazer esquecer de problemas. Com essa paixão tão forte, profissionais especializados em cafés são cada vez mais reconhecidos – e amados!

É o caso do barista, especialista no preparo do café. A palavra italiana, que significa “quem atende no bar”, surgiu por volta de 1950 e designava uma espécie de barman, familiarizado com álcool e bebidas que tinham como base o grão. A partir de 1980, a indústria do café gourmet ganhou força e o barista voltou sua atenção para a especialização na produção de cafés e bebidas à base de espresso.

O primeiro campeonato mundial de barista aconteceu apenas em 2000 e, dois anos depois, o Brasil montava a sua primeira competição, cujo prêmio foi levantado por Isabela Raposeiras, considerada uma das melhores baristas do mundo. Por aqui, com a valorização do café espresso e dos tipos especiais, o trabalho do especialista tem sido cada vez mais buscado. A profissão é nova no país, mas seu crescimento tem sido constante. De acordo com a Agência Sebrae, hoje já são cerca de 1,2 mil baristas brasileiros e a procura por especialização cresce cerca de 20% ao ano.

Quem é o barista?

Este é o profissional que tem o conhecimento sobre o preparo da bebida, que entende as características de cada tipo de café, os grãos, a torrefação, o tipo de moagem, a elaboração de blends. O profissional é capaz de criar novas receitas e de organizar com maestria um bom cardápio. É com ele que você deve falar quando quiser conhecer um novo grão ou estiver em busca de uma sugestão de receita diferente, mas que seja do seu gosto.

Como um artista, o barista é o profissional capaz de usar todo o potencial do café e de conhecer o ingrediente a fundo o suficiente para indicar o melhor caminho aos clientes que buscam a xícara perfeita. Uma das características fundamentais do profissional é, além da detenção do conhecimento, o entusiasmo de usá-lo para servir. Se você já é fã de café, tenha uma certeza: depois de alguns minutos conversando com um barista, é quase inevitável se apaixonar ainda mais pela bebida.